Conjugando imagens, vertendo o olhar: notas sobre o filme “Perfect Sense”

Ariane Santellano de Freitas, Amadeu de Oliveira Weinmann

Resumo


O presente artigo propõe-se a refletir acerca dos conceitos de formação de imagens e do olhar, caros à psicanálise, no que toca o terreno da arte, em especial, do cinema. Para tanto, partimos do filme Perfect Sense como disparador para essa discussão. Nessa produção, a perda dos sentidos vivida pelos personagens, conjugada à profusão de imagens que chegam aos olhos do espectador ao longo do filme, convoca a depositar na tela o olhar como aquilo que decanta desse processo, uma vez que é somente quando algo do visível sai de cena que a potência do olhar emerge. Uma reflexão acerca do aspecto estético dessa construção narrativa, em que o modo de apresentação das imagens é revestido por uma carga de afeto e recoberto pela instância do narrador, também se faz presente nesse escrito. Essa produção fílmica nos possibilita avançar nos estudos do potente encontro entre arte e psicanálise ao trazer como interrogante de que forma o sujeito faz laço com as imagens e que elementos inconscientes entram nessa composição.

Texto completo:

PDF

Referências


BRAKHAGE, S. Metáforas da visão. In: I. Xavier (Ed.). A experiência do cinema. 4. ed. Rio de Janeiro: Graal, 2008. pp. 341-352.

DIDI-HUBERMAN, G. O que vemos, o que nos olha. São Paulo: Editora 34, 1998.

FREUD, S. A interpretação dos Sonhos (1900). Rio de Janeiro: Imago, 2001.

________. Sobre o início do tratamento (Novas recomendações sobre a técnica da psicanálise) (1913). In: Edição Standard Brasileira das Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Vol. XII. Rio de Janeiro: Imago, 2006.

________. Lembranças encobridoras (1989). In: Edição Standard Brasileira das Obras Psicológicas Completas de Sigmund Freud. Vol. XVI. Rio de Janeiro: Imago, 2006.

________. O inconsciente (1915). In: Escritos sobre a psicologia do inconsciente. Vol. II. Rio de Janeiro: Imago, 2006.

GALEANO, E. A função da arte/1 (1991). In: Livro dos abraços. 9. ed. Porto Alegre: L&PM, 2002.

HANNS, L. A. Nota do tradutor brasileiro [O inconsciente]. In: Escritos sobre a psicologia do inconsciente. Vol. II. Rio de Janeiro: Imago, 2006.

JANELA da alma. Direção: João Jardim e Walter Carvalho. Produção: Flávio R. Tambellini. Elenco: Arnaldo Godoy, Evgen Bavcar, Hermeto Paschoal, José Saramago, Marieta Severo, Oliver Sacks, Wim Wenders. Fotografia: Walter Carvalho. Trilha Sonora: José Miguel Wisnik. São Paulo, Europa Filmes, 2001. 1 DVD (73 min), widescreen, color.

LACAN, J. Homenagem a Marguerite Duras (1964). In: Outros escritos. Rio de Janeiro: Zahar, 2003.

_________. O seminário, livro 11: os quatro conceitos fundamentais da psicanálise (1964). Rio de Janeiro: Zahar, 2008.

PERFECT Sense. Direção: David Mackenzie. Produção: Gillian Berrie, Tomas Eskilsson. Elenco: Eva Green, Ewan McGregor, Connie Nielsen, Denis Lawson, Stephen Dillane, Judith Anne Christie, Ewen Bremner. Fotografia: Giles Nuttgens. Trilha Sonora: Max Richter. Alemanha; Reino Unido, California Filmes, 2011. 1 DVD (92 min), widescreen, color.

QUINET. A. Um olhar a mais: ver e ser visto na psicanálise. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002.

RANCIÈRE, J. O destino das imagens. Rio de Janeiro: Contraponto Editora, 2003.

RIVERA, T. Cinema, imagem e psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar, 2011.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Esta é uma revista criada, editada e gerenciada por discentes de graduação e pós-graduação em Psicologia. Para qualquer dúvida, esclarecimento ou crítica, envie e-mail para revistaparresia@hotmail.com