A REPRESENTAÇÃO DA REALIDADE EM O PRESIDENTE NEGRO, DE MONTEIRO LOBATO

  • Maicon Alves Dias
Palavras-chave: Monteiro Lobato, O presidente negro, alegroai, representação da realidade

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo apresentar uma leitura da obra O presidente negro, de Monteiro Lobato, relacionando aspectos observados no texto com a teoria sobre o romance e seus aspectos formais. É objetivo, também, verificar “os narradores” do texto, o romance como representação da realidade, a sociedade retratada e o plano “futurista” da obra em questão e a alegoria utilizada no texto como forma de
representação da realidade. Esta obra, escrita por Monteiro Lobato em 1926, apresenta uma visão futura de uma sociedade que está em crise por questões raciais, políticas, econômicas, discussões sobre o feminismo, machismo e, fundamentalmente, questões ligadas às transformações de uma sociedade e sua representação e a relação com a sociedade “presente”.

Publicado
2017-10-24
Edição
Seção
DOSSIÊ: MONTEIRO LOBATO E SUAS MÚLTIPLAS FACETAS.