O orientalismo como prática discursiva hegemônica no auge da expansão européia

Autores

  • Lucas Pereira Arruda Universidade Estadual de Maringá

Palavras-chave:

Colonialismo, Orientalismo, Literatura, Discurso

Resumo

Neste artigo, por meio de revisão bibliográfica, discuto a visão de alguns romancistas, intelectuais, acadêmicos e políticos ingleses acerca dos povos nativos das coloniais inglesas no final do século XIX. A partir da perspectiva pós-colonial de Edward Said pretendesse revisitar discursos, artigos e a literatura europeia de forma a entender como os agentes coloniais europeus pensavam para agir de acordo com seus interesses expansionistas e coloniais.

Downloads

Publicado

2019-12-16

Como Citar

ARRUDA, Lucas Pereira. O orientalismo como prática discursiva hegemônica no auge da expansão européia. Faces da História, [S. l.], v. 6, n. 2, p. 254–273, 2019. Disponível em: https://seer.assis.unesp.br/index.php/facesdahistoria/article/view/1390. Acesso em: 4 mar. 2024.