Trabalhador, argentino e peronista:

o autor e sua função no diálogo epistolar do Primeiro Peronismo (1946-1955)

Autores

  • Ana Laura Galvão Batista Faculdade de Ciências Humanas e Sociais UNESP/Franca-SP

Palavras-chave:

Michel Foucault; Função autor; Populismo; Peronismo; Diálogo epistolar.

Resumo

Tomando como referencial teórico o expediente de análise introduzido pelo filósofo francês Michel Foucault (1992) – a figura do autor enquanto função discursiva –, o presente trabalho pretende se debruçar sobre a dinâmica epistolar desenvolvida durante o governo populista de Juan Domingo Perón na Argentina (1946-1955), com destaque para as cartas enviadas por diversos setores sociais do país ao Ministério dos Assuntos Técnicos (MT) na ocasião da elaboração do Segundo Plano Quinquenal (SPQ). Nessa esteira, pretende-se compreender como a função autor definida por Foucault funciona e se constitui na sociedade argentina desse período e como os textos das cartas enviam para ela, em suma, analisar as condições que possibilitaram aos argentinos cumprirem a função de autor nessa sociedade.

 

Referências

CANCLINI, Néstor Garcia (Org.). Políticas Culturales en América Latina. Buenos Aires: Grijalbo, 1987.

CARTAS. Archivo General de la Nación, fundo do Ministerio de Asuntos Tecnicos de la Presidencia. Argentina, 1951-1952.

DA SILVA, Paulo Renato. ¿Alpargatas sí, libros no?: Produção Cultural e Legitimidade Política durante o governo de Perón (1946-1955). 2009. Tese (Doutorado) – Curso de História, Universidade Estadual de Campinas, São Paulo, 2009.

DIAZ, Brigitte. O Gênero epistolar ou a pensamento nômade. São Paulo: Edusp, 2016.

FOUCAULT, Michel. O que é um Autor. In: FOUCAULT, Michel. O que é um Autor. Lisboa: Passagens, 1992, p. 29-87.

FOUCAULT, Michel. “Nietzsche, a genealogia e a história”. In: FOUCAULT, Michel. Microfísica do poder. Tradução: Roberto Machado. 10ª ed. Rio de Janeiro: Graal, 1992, p. 15-37.

INCISA, Ludovico. Populismo. In: BOBBIO, Norberto, MATTEUCCI, Nicola e PAQUINO, Gianfranco. Dicionário de Política. Vol. 2, Brasília, DF: Editora Universidade de Brasília, 1992. p. 981-986.

LACLAU, Ernesto. La razón populista. Buenos Aires: Fondo de Cultura Ecónomica, 2005.

LAGO, Mayra Coan. Exelentísimo señor presidente de la nación: imaginários populares no primeiro peronismo (1946-1955). SIMPÓSIO INTERNACIONAL PENSAR E REPENSAR A AMÉRICA LATINA – USP, 2, 2016, Anais[...], São Paulo, USP, 2016.

LEGRÁS, Horácio. Hacia uma historia del populismo. In: SORIA, Claudia; CORTÉS ROCCA, Paola; DIELEKE, Edgardo. Políticas del sentimiento: El peronismo y la construcción de la Argentina moderna. Buenos Aires: Prometeu Libros, 2010. p. 163-180.

MALATIAN, Teresa. Narrador, registro, arquivo. In: PINSKY, Carla Bassanezi; LUCA, Tania Regina de (orgs). O historiador e suas fontes. São Paulo: Contexto, 2012. p. 195-221.

MARTEL, Frédéric. Mainstream: A guerra global das mídias e das culturas. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2012.

MEDEIROS, Akira Pinto; CHAIA, Vera Lucia Michalany. Narrativas populistas na Argentina do século XXI: do “peronismo heterodoxo” à consolidação do kirchnerismo. Aurora: revista de arte, mídia e política, v.8, n. 24, p. 5-31, 2015. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/aurora/article/view/23552. Acesso em: 23 ago. 2022.

MIRANDA, José A. Bragança de; CASCAIS, António Fernando. A lição de Foucault. In: FOUCAULT, Michel. O que é um Autor. Lisboa: Passagens, 1992, p. 5-28.

PAZ, Liber Eugênio. Tecnologia e cultura nos quadrinhos independentes brasileiros. 2017. 299 f. Tese (Doutorado em Tecnologia). Universidade Tecnológica Federal do Paraná, UTFPR, Curitiba, 2017.

PERÓN, Juan Domingo. Discurso de J. D. Perón en el Día del Trabajador – Plaza de Mayo (1949). El Historiador, 2023. Disponível em:https://www.elhistoriador.com.ar/discurso-de-j-d-peron-en-el-dia-del-trabajador-plaza-de-mayo-1949. Acesso em: 31 jan. 2023.

REYNA, Zenaida M. Garay. Interpretaciones sobre la cultura política del peronismo en Argentina. Papel Político, Bogotá, v. 12, n. 2, 2007.

SECRETARIA TÉCNICA. Presidencia de la Nación. Plan de Gobierno. 1947-1951. Tomo I. Impreso en los Talleres Gráficos de la Penitenciaría Nacional de Buenos Aires. Buenos Aires, 1947.

SVAMPA, Maristella. El dilema argentino: civilización o barbarie. Buenos Aires: TAURUS, 2006.

Downloads

Publicado

2023-12-19

Como Citar

GALVÃO BATISTA, Ana Laura. Trabalhador, argentino e peronista:: o autor e sua função no diálogo epistolar do Primeiro Peronismo (1946-1955). Faces da História, [S. l.], v. 10, n. 2, p. 232–251, 2023. Disponível em: https://seer.assis.unesp.br/index.php/facesdahistoria/article/view/2502. Acesso em: 22 abr. 2024.