“A Calypso é a verdade do povo brasileiro”?: verdades e jogos de poder em Ariano Suassuna

Autores

  • Walter Assis ALVES

Palavras-chave:

verdade; discurso; cultura; regional; poder

Resumo

O artigo propõe entender/explicar a construção do discurso de Ariano Suassuna em sua aula-espetáculo intitulada “Tributo a Capiba”, momento em que tece críticas a Carlos Miranda, produtor musical que elogia a banda Calypso em publicação no caderno Ilustrada do jornal Folha de São Paulo na matéria intitulada “Preferencia Nacional”, expondo o resultado de uma pesquisa nacional do Datafolha. Nesta matéria Carlos Miranda infere: “A Calypso é a verdade do povo brasileiro?”, abrindo a partir daí a possibilidade para construção de um debate sobre valores culturais regionais tidos por “verdadeiros” pela ótica de Ariano Suassuna. O tema posto em questão apresenta como apoio teórico autores que realizam análises sobre o conceito de verdade inserido em jogos de poder capazes de estabelecerem diferentes formas de relações articuladas entre a cultura e a política.

Biografia do Autor

Walter Assis ALVES

Doutorando em História Social pela Universidade Federal de Uberlândia – UFU.

Referências

AGAMBEM, Giorgio. Elogio da profanação. In: AGAMBEM, Giorgio. Profanações. São Paulo: Boi Tempo, 2007.

ALVES, Elder Patrick Maia. A Economia Simbólica da Cultura Popular Sertanejo-Nordestina. Apud. COUTO, Bruno G. Revista Sociedade e Estado - Volume 27 Número 2 - Maio/Agosto 2012.

ANSART, Pierre. Mal-estar ou o fim dos amores políticos. História & Perspectiva, Uberlândia. (25 e 26): 55-80. Jun/Dez 2001/Jan/Jul. 2002.

ARENDT, Hannah. Verdade em política. In: ARENDT, Hannah. Entre o passado e o futuro. 7 ed. São Paulo: Perspectiva, 2013.

BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem. 9 ed., São Paulo: Hucitec, 1999.

BARROS, Frederico Machado. Cantiga de Longe: o Movimento Armorial e a proposta de uma música de concerto brasileira. 2006. 110f. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

BRESCIANI, Maria S.M. O charme da ciência e a sedução da objetividade: Oliveira Viana entre os interpretes do Brasil. São Paulo: Editora Unesp, 2005.

CERTEAU. Michel de. A beleza do Morto. In: CERTEAU. Michel de. A cultura no Plural. Campinas, SP: Papirus, 1995.

CHARTIER. Roger. A história cultural. Entre práticas e representações. Lisboa/Rio de Janeiro: Difel/Bertrand Brasil, 1990.

FOUCAULT, Michel. A ética do cuidado de si como prática da liberdade. In: FOUCAULT, Michel. Ética, sexualidade, política. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2004.

FREYRE, Gilberto. Casa-grande e Senzala: formação da família brasileira sob o regime da economia patriarcal. 34 ed., Rio de Janeiro: Record, 1998.

FREYRE, Gilberto. Sobrados e mucambos: decadência do patriarcado rural e desenvolvimento do urbano. 15 ed., São Paulo: Global, 2004.

HALL, S. A identidade cultural na pós-modernidade. 9a ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2004.

HAROCHE, Claudine. Transformações das maneiras de sentir nos fluxos sensoriais das sociedades contemporâneas. In: HAROCHE, Claudine. A condição sensível e maneiras de sentir no Ocidente. Rio de Janeiro: Contra Capa, 2008.

LYNTON, Norbert. Santos e Bufões, sobre arte sem lei. In: HOGGART, Richard et al (orgs). A sociedade da tolerância: um inquérito de “The Guardian”. Porto, PT: Edições Despertar, 1970, p. 115-118.

LEMOS, Ronaldo. A história do tecnobrega. In: Tecnobrega: o Pará reinventando o negócio da música. Rio de Janeiro: Aeroplano, 2008, (Tramas urbanas; 9).

SIMMEL, Georg. El concepto y la tragedia de la cultura. In: SIMMEL, Georg. De la esencia de la cultura. Buenos Aires, Argentina: Prometeo, 2008.

FONTES:

CANÔNICO, Marco Aurélio; NOVAES, Tereza. Preferência Nacional. Folha de São Paulo, São Paulo, 22 jul.2007, Ilustrada, p. E-1.

GASPAR, L. Balé Popular do Recife. Pesquisa Escolar Online, Fundação Joaquim Nabuco, Recife. Disponível em: <http://basilio.fundaj.gov.br/pesquisaescolar>. Acesso em 10 dez. 2015. Acesso em 10 dez. 2015.

TST/YOUTUBE. Aula-Espetáculo Ariano Suassuna. Vídeo: “1:04:15”, 2012. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=8ieVa2tVPac> Acesso em 06 de nov. 2015.

TVSENADO. Especiais. Aula-Espetáculo - Ariano Suassuna. Vídeo: “1:39:24”, 2013. Disponível em: < http://www.senado.gov.br/noticias/TV/Video.asp?v=266488 > Acesso em 04 dez. 2015.

VICTOR, Fabio. De volta em aula após infarto, Ariano Suassuna diz que quer desfilar no Carnaval. Folha de São Paulo, São Paulo. 16 de dez. Ilustrada. 2013. Disponível em: <http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2013/12/1386554-de-volta-em-aula-apos-infarto-ariano-suassuna-diz-que-quer-desfilar-no-carnaval.shtml> Acesso em 06 de nov. 2015.

YOUTUBE. Aula Espetáculo com Ariano Suassuna e o Circo da Onça Malhada! Em Camocim de São Félix. Vídeo: “2:10:21”, 2013. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=53Bq_tgN_Uw> Acesso em 06 nov. 2015.

Downloads

Publicado

2017-09-07

Como Citar

ALVES, Walter Assis. “A Calypso é a verdade do povo brasileiro”?: verdades e jogos de poder em Ariano Suassuna. Faces da História, [S. l.], v. 4, n. 1, p. 168–182, 2017. Disponível em: https://seer.assis.unesp.br/index.php/facesdahistoria/article/view/411. Acesso em: 18 maio. 2024.