Entre abandonos e permanências

a Língua Ucraniana em Prudentópolis-PR na Segunda Metade do Século XX

  • Lourenço Resende da Costa SEED-PR
  • Jair Antunes UNICENTRO

Resumo

O objetivo desse artigo é discutir, a partir de fontes orais, a importância atribuída à língua ucraniana no município de Prudentópolis-PR, bem como as dificuldades em torno de sua preservação. Para os descendentes de ucranianos no Brasil, a língua está intimamente ligada à religião, uma vez que professam o catolicismo de rito oriental e utilizam o idioma ucraniano nas celebrações da liturgia. As entrevistas foram feitas com pessoas residentes em uma comunidade da zona rural, Linha Ligação, que fica a aproximadamente 60 quilômetros da área urbana do município. A partir das entrevistas foi possível tecer algumas considerações acerca do papel da escola e da Igreja Ucraniana no trabalho de manutenção da cultura e das tradições dos descendentes de ucranianos.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Mestre em História pela UNICENTRO, Irati - PR, doutorando do Programa de Pós-Graduação em História da UFPR. Professor da Rede Pública do Estado do Paraná. Bolsita CAPES. E-mail: resendedacosta@gmail.com.

##submission.authorWithAffiliation##

Pós-Doutor e Doutor em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP, professor da UNICENTRO, Irati - PR. E-mail: jair1903@gmail.com.

Publicado
2019-06-21
Como Citar
RESENDE DA COSTA, Lourenço; ANTUNES, Jair. Entre abandonos e permanências. Faces da História, [S.l.], v. 6, n. 1, p. 102-119, jun. 2019. ISSN 2358-3878. Disponível em: <http://seer.assis.unesp.br/index.php/facesdahistoria/article/view/1296>. Acesso em: 23 ago. 2019.