Memórias de experiências e a cultura escolar da escola pública de Itoupava Norte no período da nacionalização do ensino – 1940

  • Anne Caroline Peixer Abreu Neves Universidade do Estado de Santa Catarina Udesc
Palavras-chave: memórias, experiências, cultura escolar, nacionalização do ensino, Escola Pública de Itoupava Norte

Resumo

Esse texto dialoga com as memórias de experiências dos sujeitos no cotidiano da Escola Pública de Itoupava Norte – município de Blumenau/SC, durante a campanha de nacionalização do ensino conduzida pelo governo de Getúlio Vargas. As análises que mobilizaram a história oral possibilitaram compreender que as entrevistadas evocaram recordações que, nem sempre, estabeleciam relações com as ações nacionalizadoras que impuseram o ensino da língua vernácula e a exaltação de símbolos nacionais. Isso não invisibilizou, nas narrativas a presença dos instrumentos governamentais utilizados para implementar as leis, apesar de terem sido relatados na sutileza. O trabalho de memória evidenciou experiências que referenciaram outros contornos da escola valorizando os movimentos de integração das crianças, as convivências em diferentes lugares do ambiente escolar; e outras formas de se relacionar com as professoras.

Publicado
2019-06-21
Como Citar
PEIXER ABREU NEVES, A. C. Memórias de experiências e a cultura escolar da escola pública de Itoupava Norte no período da nacionalização do ensino – 1940. Faces da História, v. 6, n. 1, p. 182-202, 21 jun. 2019.