O antigo aldeamento de São Miguel de Ururaí em São Paulo Colonial

conflitos, resistência e trocas culturais

  • Rodolfo Rodrigues de Almeida Centro Universitário Assunção
Palavras-chave: São Miguel de Ururaí, São Paulo Colonial, Indígenas

Resumo

O presente estudo pretende abordar os aspectos do cotidiano indígena, durante o período colonial da vila de São Paulo, no antigo aldeamento de São Miguel de Ururaí. A pesquisa documental e bibliográfica, ofereceu-nos apontamentos de como esses nativos ali se estabeleceram, levando em conta os embates e trocas culturais mediante o contato entre colonos e religiosos. A referência desse encontro foi à construção da capela de São Miguel Arcanjo, datada de 1622. Mesmo não se pondo em confronto direto souberam os indígenas manter uma identidade própria através do ato de ressignificação sobre a cultura que lhes era imposta.

Publicado
2020-06-27
Como Citar
RODRIGUES DE ALMEIDA, R. O antigo aldeamento de São Miguel de Ururaí em São Paulo Colonial. Faces da História, v. 7, n. 1, p. 141-166, 27 jun. 2020.