Revistas de intelectuais exilados como objeto de pesquisa: o caso de Araucaria de Chile e Encuentro de la Cultura Cubana

  • Raphael Coelho Neto
  • Thiago Henrique Oliveira Prates

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar e refletir acerca de revistas de exilados enquanto fonte/objeto de pesquisa para historiadores. Embora as revistas já estejam consagradas na historiografia, enquanto objeto de investigação, aquelas produzidas por exilados não foram substancialmente estudadas e pouco se refletiu acerca de suas características. Acreditamos que a condição de exilado imprime particularidades a esses periódicos e deixa profundas marcas na produção intelectual neles publicada. Buscaremos perceber como essas revistas se configuram como espaço de sociabilidade e solidariedade entre intelectuais que visam romper a barreira instituída pelo exílio, além de se constituírem, também, como bens culturais de resistência política a regimes ou grupos autoritários que promoveram a prática do exílio. Para tanto, utilizaremos os debates efetuados nas revistas de exilados Araucaria de Chile e Encuentro de la Cultura Cubana.

Biografia do Autor

Raphael Coelho Neto

Mestrando em História e Culturas Políticas - Programa de Pós-Graduação em História - Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas - UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais, campus Pampulha - Av. Antônio Carlos, 6627, CEP: 31270-901, Belo Horizonte, Minas Gerais - Brasil. Bolsista CAPES.

Thiago Henrique Oliveira Prates

Mestrando em História e Culturas Políticas - Programa de Pós-Graduação em História - Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas - UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais, campus Pampulha - Av. Antônio Carlos, 6627, CEP: 31270-901, Belo Horizonte, Minas Gerais - Brasil. Bolsista CAPES

Publicado
2017-08-12
Como Citar
NETO, Raphael Coelho; PRATES, Thiago Henrique Oliveira. Revistas de intelectuais exilados como objeto de pesquisa: o caso de Araucaria de Chile e Encuentro de la Cultura Cubana. Faces da Historia, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 124-146, ago. 2017. ISSN 2358-3878. Disponível em: <http://seer.assis.unesp.br/index.php/facesdahistoria/article/view/95>. Acesso em: 17 dez. 2017.