RETRATOS, ESPELHOS E OUTRAS FACES NO DIÁRIO DE DRUMMOND

  • Rodrigo Jorge

Resumo

Em O observador no escritório, reunião de páginas de um diário escrito entre 1943 e 1977, o poeta Carlos Drummond de Andrade apresenta-nos, além de um panorama literário e político do Brasil daquele tempo, uma galeria de retratos onde percebemos tanto o rosto do “outro” quanto as outras faces do autor do diário. Nos anos de 1943 e 1944, período selecionado para nossa reflexão, podemos, também como observadores, flagrar a transição do poeta nas matérias colhidas na simplicidade e espontaneidade do encontro com o “outro”.

Publicado
2017-09-11
Como Citar
JORGE, Rodrigo. RETRATOS, ESPELHOS E OUTRAS FACES NO DIÁRIO DE DRUMMOND. Miscelânea, [S.l.], v. 10, p. 95-106, set. 2017. Disponível em: <http://seer.assis.unesp.br/index.php/miscelanea/article/view/442>. Acesso em: 22 set. 2017.
Seção
ARTIGOS ORIGINAIS/ORIGINAL ARTICLES