A FIGURA FEMININA NA “SEMANA LITERÁRIA”, DE MACHADO DE ASSIS

  • Dayane Mussulini

Resumo

Uma das temáticas recorrentes na obra de Machado de Assis é a presença da figura feminina, o que fornece matéria para inúmeros estudos que tentam compreender o pensamento machadiano acerca da mulher. Como sabemos, a ironia e o humor eram características marcantes de sua escrita, fazendo com que nem sempre seu posicionamento sobre determinado assunto seja percebido de maneira clara. Era o que acontecia, por exemplo, a respeito de suas posições políticas. É comum associarmos a juventude machadiana aos ideais liberais, ao passo que sua idade madura é reconhecida pela sua guinada conservadora. No entanto, em artigo publicado na sua coluna de 1866, “Semana Literária”, estampada nas páginas do Diário do Rio de Janeiro, o autor se mostra, aparentemente, a favor da manifestação feminina na literatura, indo na contramão de muitos dos nossos ilustres escritores, que, em suas próprias palavras, acreditavam que deviam “excluir as mulheres dos exercícios literários”. Pretendemos, portanto, a partir de uma leitura dessa seção de crítica literária, analisar quais eram as concepções de Machado de Assis acerca da mulher e do fazer literário.

Publicado
2018-12-20
Como Citar
MUSSULINI, Dayane. A FIGURA FEMININA NA “SEMANA LITERÁRIA”, DE MACHADO DE ASSIS. Miscelânea: Revista de Literatura e Vida Social, [S.l.], v. 24, p. 65-76, dez. 2018. ISSN 1984-2899. Disponível em: <http://seer.assis.unesp.br/index.php/miscelanea/article/view/1218>. Acesso em: 24 ago. 2019.
Seção
ARTIGOS ORIGINAIS/ORIGINAL ARTICLES